Elevadores Brasil
22/07/2020 - Releases

Soluções em mobilidade da thyssenkrupp Elevadores para hospitais e clínicas aliam tecnologia e segurança

• Elevadores especiais transportam passageiros e macas, inclusive em helipontos

Gerenciar o fluxo de pessoas e de materiais em um hospital é um desafio que exige uma boa administração logística, aliada aos recursos de mobilidade. São alimentos, roupas de cama, suprimentos médicos e equipamentos que precisam ser transportados sem interrupção. Para tanto, a tecnologia tem sido uma aliada na execução de processos que têm como objetivo maior salvar vidas.

Para um cenário de alta complexidade, como esse, a thyssenkrupp Elevadores desenvolveu soluções que de forma integrada atendem às necessidades de mobilidade para o transporte de equipes médicas e pacientes com rapidez e segurança. São elevadores, o sistema AGILE Gestão de Elevadores e o MAX, solução de manutenção preditiva, baseada em Internet das Coisas (IoT) e inteligência artificial (AI).

“O segmento hospitalar, hoje o mais sobrecarregado por conta da pandemia, sempre exigiu soluções completas e diferenciadas. Mais do que nunca, os projetos de hospitais primam pelo uso da tecnologia para garantir a eficiência que o sistema de saúde moderno necessita. Nossas tecnologias foram desenvolvidas em consonância com essa realidade, por meio de elevadores, que podem ter o tráfego controlado e uma manutenção em tempo real, para que possam atender quem mais precisa”, afirma Eduardo Caram, Head de Obras Novas e Modernização da thyssenkrupp Elevadores para a América Latina.

Dimensões especiais

O elevador maca-leito é o carro-chefe do portfólio. Projetado para oferecer segurança e conforto, atende os mais altos níveis de exigência em performance. Para transportar uma maca, as dimensões da cabina, por exemplo, precisam ter 1,2 metro de largura por 2,2 metros de cumprimento e as portas 1,10 metro, de acordo com a norma NBR 14.712.

Com capacidade para transportar até 26 passageiros ou 900 quilos, o elevador possui guarda-corpo ao fundo e nas duas laterais da cabina, além de bate-maca, um reforço para evitar danos ao equipamento. O revestimento é todo em aço inoxidável e as botoeiras resistentes ao uso constante. E para situações urgentes, é possível acionar a Emergência Hospitalar, uma chave na botoeira para total controle do elevador até o pavimento mais próximo.

Para os hospitais de grande porte com heliponto, existe ainda a opção de instalar um elevador especial para transportar o paciente direto da aeronave para dentro do hospital e vice-versa, sem grandes manobras.

Gerenciamento inteligente

A partir do sistema AGILE Gestão de Elevadores, os administradores hospitalares podem programar o uso dos elevadores, de acordo com a demanda do hospital, quando for necessário. Por meio de um software é possível, por exemplo, enviar um elevador para um andar específico ou limitar o acesso a lugares prioritários como UTI’s e berçários.

O software pode ser instalado nos computadores da sala de controle do hospital, mas tem uma versão mobile que o administrador pode baixar no smartphone para ganhar tempo e agilidade quando precisar programar uma das funções disponíveis. No atual cenário da pandemia da Covid-19, o sistema é um recurso a mais para o hospital controlar os riscos de contaminação, limitando o uso dos elevadores de forma programada.

Outra tecnologia que contribui para garantir a movimentação segura é o MAX, solução de manutenção preditiva, que monitora em tempo real, durante 24 horas por dia as condições técnicas dos componentes dos elevadores e faz um diagnóstico acerca de possíveis problemas.

Com essas informações, os técnicos podem agir de forma preditiva para solucionar uma falha, ampliando a disponibilidade dos elevadores para quem realmente precisa, quando fatores como tempo e deslocamento são prioritários, como nos hospitais. Neste momento desafiador, hospitais, clínicas e demais clientes da área de saúde podem contar com os serviços de maneira gratuita, somando esforços na luta contra o novo coronavírus.

A empresa também desenvolveu soluções para tornar elevadores, escadas e esteiras rolantes mais seguros contra a propagação da Covid-19. São tecnologias touchless que evitam contato com superfícies na hora de acionar o elevador, esterilizadores de corrimãos para escadas e esteiras rolantes, purificadores do ar da cabina e portas automáticas, para garantir a mobilidade urbana de forma segura, a partir de uma nova realidade.

Sobre a thyssenkrupp Elevadores
A thyssenkrupp Elevadores é uma das maiores fabricantes de tecnologias de elevação. No Brasil, o parque fabril e a matriz estão instalados em Guaíba, Rio Grande do Sul. A empresa emprega cerca de 4.000 funcionários e alcançou uma receita de mais de 1,3 bilhão de reais (ano fiscal 2018/2019). A fábrica atende o mercado nacional e também exporta para a América Latina. No Brasil, são 67 filiais e postos de serviços localizados em diferentes capitais e cidades brasileiras, garantindo cobertura nacional na manutenção de elevadores, escadas e esteiras rolantes. Na América Latina, a empresa possui filiais em 13 países (Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai) e representantes em outros locais, como no Caribe.


Atendimento à Imprensa:
Rouxinol Assessoria em Comunicação
Isabel Silvares e Angela Lereno
Fones: (11) 3075.2757/97203.8006
e-mail: rouxinol@rouxinolcomunicacao.com.br

thyssenkrupp Elevadores www.thyssenkruppelevadores.com.br
Facebook • Blog • Instagram • Linkedln • YouTube

People shaping cities blog: www.urban-hub.com
 

Downloads

Faça o download deste press release e seus materiais.