A figura do síndico sempre esteve associada à figura do morador que aceita dedicar parte do seu tempo para administrar o dia a dia do prédio onde reside. A tarefa nada fácil ainda é exercida nesses moldes em muitos condomínios espalhados pelo país. Mas, devido à complexidade dos novos condomínios residenciais e, principalmente dos prédios comerciais, a função de síndico ganhou status de profissão com o passar dos anos.

Sócio da Administradora Ma1par, Marcelo Junqueira, reúne os dois lados da moeda. Sempre interessado em resolver os assuntos pessoais e da família, resolveu enfrentar o desafio de ser síndico de seu prédio e encarar as responsabilidades atribuídas à função. Ficou quatro anos na função até se mudar. Atualmente, é síndico do prédio onde mora há oito anos, e foi exercendo as atividades do dia a dia, que pegou gosto pela área.

Formado em administração, hoje sua profissão é de síndico profissional, com 25 edifícios sob sua responsabilidade, todos em São Paulo, Capital, localizados em regiões adensadas como Paulista, Itaim Bibi, Berrini e Vila Olímpia. No total, são 21 edifícios comerciais e quatro galpões logísticos que recebem por dia uma média de 600 pessoas (edifícios menores) e cerca de 2.000 pessoas (nos edifícios maiores).

Para dar conta dessa demanda, Junqueira possui mecanismos de controle eficientes que permitem atender às necessidades de cada edifício, além do apoio dos gerentes dos respectivos prédios. “O dia a dia é bastante dinâmico, mas para dar certo você precisa ter um bom gerente predial, uma boa administradora e boas empresas prestadoras de serviço, para manter todos os equipamentos em perfeito funcionamento, atualizados e modernos”, conta.

A thyssenkrupp responde por 43 elevadores dos prédios administrados pela Ma1par.

Dentro da área de atuação do síndico, há um leque de funções atribuídas ao cargo, porém, as mais constantes são as visitas aos edifícios. Apesar de rotineiras, Junqueira ressalta que não há uma agenda programada para visitação. Dependendo da necessidade do edifício, as visitas são diárias ou semanais.

Além de administrar pessoas, Junqueira explica que para exercer a atividade é preciso ter conhecimento das áreas financeira e administrativa, pois o síndico profissional é responsável por orçamentos de obras que envolvem recursos dos proprietários, neste sentido, sua formação acadêmica em administração teve um papel decisivo e de extrema importância para atuar com excelência em sua atividade profissional.

Os maiores desafios, porém, estão em conseguir dar respostas às diferentes demandas, necessidades e visões das pessoas diariamente. Por isso, para quem deseja atuar nesta área ele dá um conselho: “Aprenda a administrar pessoas, ser transparente ao tratar de problemas e apontar soluções e esteja sempre perto de quem vive diariamente o condomínio, o usuário final.”

Marcelo Junqueira - Síndico profissional

Marcelo Junqueira – Síndico profissional

 

 

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>