Pensando no futuro ou para ter mais conforto, cada vez mais pessoas estão investindo na compra de um elevador residencial. A procura por esse tipo de equipamento cresceu em função do aumento da expectativa de vida da população e a necessidade de ter melhor qualidade de vida, bem como para proporcionar acessibilidade aos familiares com deficiência ou com mobilidade reduzida.

O avanço da tecnologia aplicada aos novos modelos de elevadores e as facilidades de compra também viabilizam a aquisição do equipamento por um número maior de pessoas. Hoje, já existem no mercado soluções tanto para quem está construindo, como também para quem já tem um imóvel e quer melhorar a mobilidade dentro de casa, a partir de tecnologias inovadoras que facilitam a instalação.

Para quem está pensando em instalar um elevador em casa, separamos algumas informações que vão ser úteis para planejar e realizar esse sonho com todos os seus benefícios.

Espaço reduzido

O projeto de um elevador residencial ou home elevator deve levar em conta que esse tipo de equipamento é destinado a construções com até cinco andares, o que equivale a 12 metros de altura.

A área necessária para sua instalação não é grande, pois o equipamento é compacto e se encaixa em qualquer construção. Isso porque, seus   componentes são mais compactos, diminuindo o espaço necessário para a instalação.

Entre eles, a máquina de tração sem engrenagem, que por ser menor é instalada na parte superior da cabina, dispensando a necessidade de uma casa de máquina, como é normal em edifícios maiores, por exemplo. Outra inovação dos modelos atuais é o tracionamento cogbelt, que são cintas no lugar de cabos de aço, e que garantem a redução de ruídos e viagens mais confortáveis. Ou seja, as tecnologias são similares às usadas nos elevadores dos edifícios e que proporcionam conforto, segurança e qualidade no sobe e desce das pessoas. 

Design moderno

Além de toda a tecnologia aplicada para melhorar a mobilidade dentro de casa, o elevador residencial valoriza o imóvel, a partir de um design moderno e opções de acabamento que combinam com o projeto de decoração da residência.

A cabina, por exemplo, pode ser panorâmica para uma integração total com o espaço externo ou convencional. E para os modelos convencionais,  é possível escolher o acabamento que mais combina com o ambiente, em aço inox ou na cor branca.

As opções são variadas também para o revestimento do piso, que pode combinar com o material usado na casa, como granito, mármore ou porcelanato. E, os acabamentos dos botões e painéis podem ser em aço inox polido ou escovado. 

Itens opcionais como espelho dentro da cabina também agregam personalidade ao design do elevador residencial, de acordo com o projeto, que ganha ar de sofisticação com o display em LCD e painel de operação com comando touch com iluminação LED.   

E como faz parte da decoração da casa, a porta do home elevator também pode ser do tipo que melhor atende a decoração da casa: automática, manual ou panorâmica e com acabamentos em aço inox ou pintada nas cores branca ou cinza. 

Segurança e acessibilidade

O elevador residencial, em atendimento à norma NBR 12892, deve atender alguns requisitos de segurança, como a instalação de guarda-corpo no fundo e nas laterais da cabina e interfone para facilitar a comunicação de dentro da cabina, em casos de emergência.

Para as pessoas com deficiência visual, o elevador possui comandos com código em braile. E, para a economia de energia, a iluminação da cabina é em LED. A TKE desenvolve produtos para atender as diferentes necessidades de acessibilidade, incluindo os elevadores residenciais. Conheça o H300, o home elevator que vai transformar a mobilidade da sua casa, com conforto e segurança.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>