A ThyssenKrupp Elevadores assina os 18 elevadores de alta tecnologia que irão atender a Arena do Grêmio, complexo que abrigará o novo estádio do Grêmio no bairro Humaitá, zona norte de Porto Alegre (RS), com capacidade para 60 mil pessoas, e que já está com 25% de suas obras executadas. 

O projeto, assinado pela construtora OAS e pela Plarq Arquitetura será dividido por setores: Norte, Sul, Leste e Oeste. Cada um deles será atendido por um número diferente de elevadores: três para o setor Norte, três para o Sul, seis para o Leste e seis para o Oeste.

As obras, a cargo da construtora OAS, especializada na administração de estádios, devem ter toda a estrutura concluída até o final de 2012. Com o conceito de arena multiuso, além do estádio, o projeto vai reunir edifícios comerciais, lojas, bares, shopping center, hotel, centro de convenções e estacionamento para cinco mil vagas.

Para atender o complexo, um investimento de R$ 1 bilhão, os 18 elevadores utilizarão máquinas sem engrenagem (gearless) que economizam até 30% de energia e não utilizam óleo lubrificante. A tecnologia está em linha com o conceito sustentável do estádio, o único, além dos estádios que receberão a Copa de 2014, que fechou contrato com a Green Building Council Brasil para obter o certificado LEED, selo que reconhece empreendimentos capazes de gerar menor impacto ao meio ambiente.

Além disso, o projeto da Arena do Grêmio também contempla a acessibilidade, com 270 lugares disponíveis aos portadores de necessidades especiais distribuídos na arquibancada inferior, na arquibancada Gold e nos camarotes. O acesso para a arquibancada Gold, sobre a arquibancada inferior, e para os camarotes poderá ser feito por elevadores, todos de acordo com a norma de acessibilidade NBR NM 313.

Com seis a oito paradas, velocidade de 1,5 metros por segundo, e capacidade para 16 pessoas, os elevadores da Arena Grêmio utilizarão o software TKVision, sistema de controle de tráfego localizado na portaria ou na sala de supervisão do complexo que permite ao operador monitorar o conjunto de elevadores. O TKVision favorece a otimização do tráfego dos elevadores, além de oferecer maior segurança por meio do bloqueio de chamadas.

As cabinas escolhidas para os elevadores são do modelo Export, com acabamento em aço inoxidável escovado, e que oferecem mais praticidade e durabilidade aos produtos.  Com duas entradas, as cabinas contarão, ainda, com iluminação LED e duas colunas de botoeiras High Protection, ideais para áreas de grande circulação.

Sobre as obras 

A Arena do Grêmio já está com 25% das obras executadas, após dez meses do início da construção, em setembro do ano passado. Com o trabalho de aproximadamente 800 profissionais, diretos e indiretos, a obra já conta com mais de 2 mil estacas instaladas, de um total de 2,5 mil, o que indica 80% do estaqueamento concluído. 

O processo construtivo teve início a partir do setor norte – local onde ficará a futura avalanche da Geral. Em seguida, serão construídos os setores nordeste, leste, sudeste, sul, sudoeste, oeste e noroeste. 

A previsão é que toda a estrutura da Arena do Grêmio esteja construída até novembro de 2012. A primeira arquibancada, também localizada no setor norte, já foi colocada, e começa a dar forma ao projeto.

 

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>