A estrutura da torre de testes da thyssenkrupp Elevator no novo Centro de Inovação e Qualificação (IQC), em Atlanta (EUA), foi concluída em apenas 57 dias.

O prazo se deve ao processo construtivo escolhido, conhecido como  slipform, construção em forma de deslizamento, que também foi adotado na construção da torre de testes de 246 metros de altura em Rottweil, na Alemanha.

A torre de Atlanta tem 128 metros e é a peça central da nova sede da empresa na América do Norte e será a mais alta do hemisfério ocidental quando estiver pronta.

O IQC e a sede corporativa adjacente (CHQ) estão programados para serem concluídos em 2021.Os funcionários se mudarão para a sede da empresa (BHQ) na cidade vizinha Pennant Park em março de 2019. A empresa conta com aproximadamente 20.000 funcionários na América do Norte e mais de 900 ficarão na nova sede norte-americana.

Novos conceitos

Com 18 poços, a torre de testes do complexo pode ser usada para testar novos conceitos e pilotos de produtos, incluindo elevadores de alta velocidade, o sistema de elevadores de duas cabinas por eixo TWIN, bem como os primeiros sem cabos e que se movimentam para o lado do mundo, o MULTI. Além disso, a torre também realizará testes robustos para garantir a conformidade com os rigorosos requisitos de segurança em elevadores.

Para exibir os elevadores na torre de teste, o IQC apresentará uma fachada externa de vidro completa voltada para o The Battery Atlanta, permitindo que milhões de visitantes visualizem operações que normalmente estão escondidas. Além da torre de testes, o IQC também contará com espaços para eventos e reuniões localizados na parte superior do edifício, oferecendo vistas deslumbrantes da região, além de um showroom digital, laboratório de software, escritórios de engenharia e instalações de treinamento.

Na América do Norte, o thyssenkrupp Elevator tem uma ampla presença em alguns dos edifícios mais emblemáticos da região, incluindo o One World Trade Center, em Nova York, onde estão em operação os elevadores mais rápidos do Hemisfério Ocidental; e o Aeroporto Internacional Pearson, em Toronto, Canadá.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>