Contemplar o skyline urbano ou o projeto arquitetônico de dentro do elevador é uma experiência que transforma o sobe e desce em uma viagem bem mais prazerosa.

Com os elevadores panorâmicos, verdadeiras janelas se abrem e promovem essa conexão, a partir de cabinas revestidas em vidro, que imprimem elegância aos empreendimentos em perfeita harmonia com o projeto de arquitetura.

Com tecnologia e design inovador, a thyssenkrupp Elevadores acaba de lançar um novo conceito em panorâmicos, a partir de quatro modelos que se diferem pelo design das cabinas.

Vista do céu

Para os clientes que desejam um elevador quase todo panorâmico, o modelo new export NE é a melhor opção. Com ele é possível ter painéis de vidro em quase toda a cabina, além do teto, dando ao passageiro uma vista privilegiada de qualquer ângulo, inclusive do céu.

O Panorâmico export AP também garante uma excelente visibilidade com vidro nos painéis laterais e de fundo, com colunas em inox como moldura.

Já para quem deseja ter somente o painel de fundo em vidro são dois modelos disponíveis: o export A e o Evolution E, que agrega diferenciais mais sofisticados por conta da linha de cabina Noble 300.

Com os novos modelos, os clientes têm uma gama de opções de botoeiras, indicadores de posição e painéis de operação para escolher qual melhor atende o seu projeto, além de portas automáticas.

Manutenção preditiva

Os elevadores panorâmicos já saem de fábrica com o MAX, primeira solução de manutenção preditiva para elevadores do mundo, baseada em soluções de inteligência artificial e Internet das Coisas (IoT), um diferencial de mercado.

Além do design exclusivo, todos possuem a tecnologia em transporte vertical de alta performance da marca thyssenkrupp e atendem às normas técnicas de fabricação vigentes, garantindo o alto padrão em segurança dos equipamentos.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>