A capital do Ceará acaba de ganhar um empreendimento comercial que é um novo ícone para a cidade: O BS Design Corporate Tower. Entregue recentemente, o edifício da BSPAR Incorporações se destaca por um projeto arquitetônico inovador e temática sustentável.  

A fachada foi inspirada em uma vela de jangada, os halls sociais ambientados com móveis assinados por grandes designers, espelhos d’água e sky lounge e sky walk.

 

Localizado em uma das regiões mais nobres de Fortaleza, no coração da Aldeota, o BS Design é o primeiro edifício comercial do Nordeste com conceito A+ para projetos inteligentes e de alto padrão e já adquiriu a pré-certificação LEED.  

O projeto foi desenvolvido em sintonia com cinco pilares específicos que diferenciam o empreendimento: sustentabilidade, segurança e inovação, design, acessibilidade, e conforto e funcionalidade. 

“O BS Design foi todo pensado para dialogar bem com o ambiente em que estará inserido, respeitando as características ambientais do nosso clima. Todo o projeto busca ainda o que existe de mais moderno e inovador em acessibilidade, mobilidade e paisagismo. Estamos entregando um novo ícone para a cidade de Fortaleza”, enfatiza o presidente da incorporadora, Beto Studart.

Com duas torres de 21 pavimentos cada, onde estão distribuídas 690 salas comerciais e 18 lajes corporativas, que vão de 22m² a 326m² de área, o empreendimento ocupa 10 mil m² e 1.527 vagas distribuídas em cinco subsolos de estacionamento e dois helipontos. Também possui 4.200m² de Área Bruta Locável para a instalação de lojas de grandes marcas, um espaço de interação com a cidade.

 

Elevadores thyssenkrupp

O BS Design possui 25 elevadores da thyssenkrupp de alta performance para atender as duas torres do empreendimento, com 24 paradas e velocidade de até 3 metros por segundo.  

Em linha com o conceito sustentável do projeto, 16 elevadores terão o sistema AGILE – Antecipação de Chamadas, que melhora a operação ao reunir num único elevador, pessoas que vão para o mesmo andar ou próximos, reduzindo o tempo de espera e, por consequência, o consumo de energia.

O sistema é interligado às catracas do edifício por meio de QR Code. Assim, quando passar o código no leitor de acesso, os visitantes já saberão qual elevador irá atendê-lo.

Outros atributos tecnológicos atrelados ao conceito de green building são as máquinas gearless com imãs permanentes e o sistema regenerativo de energia, que resultam na economia de energia elétrica em até 35% .

Integra o projeto, uma plataforma vertical da linha de Acessibilidade da thyssenkrupp, equipamento que garante o acesso ao edifício às pessoas com mobilidade temporária ou permanente.

 

DCIM100MEDIADJI_0110.JPG

Foto Rubens Di Carlos

DCIM100MEDIADJI_0139.JPG

Foto Rubens Di Carlos

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>