Fazer a mudança de casa é um processo trabalhoso e que requer muito planejamento, por isso para não ter transtornos, é essencial ter uma boa organização.

Além de encaixotar e empilhar os pertences para a sua conservação, é preciso atentar-se ao regulamento interno do condomínio de modo que o procedimento seja feito nos dias e horários permitidos,  não interfira na rotina dos demais condôminos, bem como não danifique qualquer estrutura do edifício, incluindo o elevador; principal aliado do morador na mudança.

Listamos abaixo alguns cuidados que devem ser adotados durante a mudança ao transportar móveis, eletrodomésticos e outros objetos no elevador para garantir a segurança do usuário e a vida útil deste bem comum. Confira!

  • Proteja a cabina: Peça que o gestor do condomínio utilize o acolchoado de proteção da cabina para evitar possíveis riscos e quebra de espelhos.
  • Respeite o limite de carga do elevador: Existem normas técnicas que regem a fabricação de elevadores no Brasil (NM 207; para elevadores com casa de máquinas e NBR 16042; para elevadores sem casa de máquinas) que asseguram por pessoa, 75 quilos, ou seja, em um elevador com capacidade para transportar oito passageiros, por exemplo, o limite de carga é de 600 quilos. Para elevadores fabricados antes das Normas citadas, o limite é de 70 quilos por pessoa. Por isso, atenção. Caso o limite permitido seja ultrapassado, a segurança dos passageiros e o desempenho do elevador podem ser prejudicados.
  • Observe previamente as dimensões dos objetos: Dimensione a carga que será transportada (conforme o peso estipulado na placa da cabina) e o tamanho do elevador. Jamais acondicione objetos maiores, utilizando a porta de emergência;
  • Nunca tente transportar materiais cujas dimensões excedam o volume interno da cabina: Para esses materiais, utilize a escada ou transportador especifico.
  • Atente-se ao teto da cabina: Observe a altura dos objetos a serem transportados para que o teto da cabina não seja danificado;
  • Utilize outro elevador: O usuário não deve utilizar o elevador junto à carga transportada;
  • Cuidado com o sobrepeso: Apesar do dimensionamento extra utilizado no projeto de um elevador, quando o equipamento é submetido a sobrecargas pode sofrer um desgaste prematuro e consequentemente, maior índice de paralisações ao longo do tempo;
  • Atente-se para o transporte correto de cargas concentradas: Caso transporte cargas concentradas, como material para obra, coloque-as sobre uma placa para distribuir o peso no centro da cabina;
  • Evite transportar líquidos na cabina: Quando for necessário transportar produtos de limpeza, por exemplo, as embalagens devem estar bem fechadas.HOTEL baixa

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>