O AquaRio, que foi inaugurado em 2016, já é considerado uma das principais atrações da cidade do Rio de Janeiro (RJ). E seus números são impressionantes: 28 tanques que totalizam 4,5 milhões de litros de água salgada e onde estão mais de cinco mil animais de 350 espécies diferentes, originários da costa brasileira, do Caribe e do Indo-Pacífico. Não é à toa que é o maior aquário marinho da América do Sul.

Mas a grandiosidade não para por aí, o aquário está instalado em um local de 26 mil metros quadrados de área construída, em um prédio de cinco andares, onde já funcionou o antigo Frigorífico do Estado. Desde a inauguração, já recebeu mais de 3 milhões de visitantes.

Mobilidade garantida

Para proporcionar a melhor circulação do público que diariamente visita o aquário, a thyssenkrupp instalou quatro elevadores no AquaRio, cada um com capacidade para transportar até 20 passageiros por viagem.

Com eles, é possível se deslocar pelos andares do prédio com conforto e segurança, e a cada ambiente ter uma experiência única ao conhecer de perto animais incríveis. Logo na entrada, o visitante se depara com a ossada de uma baleia Jubarte, suspensa no lobby do prédio, de 13 metros de comprimento e 37 toneladas.

Visualizando tubarões no túnel

o AquaRio possui 28 tanques que totalizam 4,5 milhões de litros de água salgada e onde estão mais de cinco mil animais de 350 espécies diferentes.

o AquaRio possui 28 tanques que totalizam 4,5 milhões de litros de água salgada e onde estão mais de cinco mil animais de 350 espécies diferentes. Fotos: Alexandre Macieira.

Mas principal atração de todo o complexo é o grande tanque oceânico. Com 3,5 milhões de litros de água, sete metros de profundidade e um túnel de acrílico que corta toda a extensão. Lá estão raias, peixes e vários tubarões, entre eles a Margarida, tubarão da espécie mangona; a Ritinha, tubarão leopardo; e a Sharon, tubarão lambaru.

Em 2017, o AquaRio recebeu a Certificação em Bem-Estar Animal, emitida pela Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil (SZB), em parceria com a Wild Welfare Worldwide, uma das mais respeitadas instituições do mundo no assunto.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>